Trabalhadores debatem propostas para setor canavieiro em Seminário de Assalariados da Fetag-AL

A Federação dos Trabalhadores na Agricultura no Estado de Alagoas (Fetag-AL) deu o pontapé inicial para uma nova campanha salarial referente a convenção coletiva de trabalho 2015/2016 do setor canavieiro. Para isso, foi aberto nesta terça-feira, 25, o V Seminário de Assalariados.
O encontro, que conta com a presença de representantes dos 40 Sindicatos dos Trabalhadores e Trabalhadoras Rurais (STTR) da zona canavieira de Alagoas e do assessor Jurídico da Contag, Carlos Eduardo, prossegue até esta quarta-feira no centro social da Fetag-AL, em Maceió. 
“Cada STTR trouxe para o evento, além do dirigente, até três trabalhadores que vivem do corte da cana. Afinal, são eles que conhecem a realidade do campo e podem mostrar o que está dando certou ou não”, afirmou o presidente da Fetag-AL, Genivaldo Oliveira.
Segundo ele, as propostas apresentadas no seminário serão levadas para aprovação dos trabalhadores, no próximo mês de outubro, em assembleias que serão realizadas em todos os STTR. 
“Vamos discutir esta nova convenção de trabalho, avaliando quais pontos deverão permanecer e quais deverão ser excluídos do documento, além de novas propostas que serão apresentadas neste seminário”, declarou Oliveira.
De acordo com Genivaldo Oliveira, a convenção de trabalho atual tem validade até o dia 31 de outubro. “Sabemos das dificuldades enfrentadas pelo setor, mas esperamos que os trabalhadores possam ter ganhos importantes para continuar vivendo no campo e ter condições de poder sustentar toda a família”, reforçou.